C2. A CONSTRUÇÃO DA PROFICIÊNCIA LEITORA E ESCRITORA DOS ALUNOS

Com ÉLIE BAJARD

4ªs feiras: 04/10, 18/10, 25/10 e 08/11 | Das 19h30 às 22 | Investimento: 2 parcelas de R$ 220,00

Ementa

A língua escrita não é mera duplicação da língua oral. A língua possui, além dos grafemas, um código ideográfico. Assim, a equivalência plena entre texto sonoro e texto gráfico não se dá apenas através das relações fonográficas. Neste curso, os educadores serão convidados a experienciar novas formas de exploração e interpretação de textos escritos e, coletivamente, pensar em propostas que elevem as habilidades relativas a leitura e compreensão de textos desconhecidos.

Objetivos

– Fazer emergir “mestres e padrinhos” da escrita;

– Propiciar explorações que permitam comparações entre as manifestações de um texto, sonora e gráfica.

– Refletir e criar dispositivos pedagógicos que permitam identificar as dimensões de um letramento que fundamente a conquista da língua escrita.

– Propor explorações práticas que favoreçam a compreensão de um texto desconhecido.

Programa

  • Os usos da escrita e suas variações. A importância da sessão de mediação.
  • Os processos de elucidação do código.
  • A conquista da autonomia do leitor e as propostas para a “descoberta do texto”.
  • Construção coletiva de ferramentas didáticas para o desenvolvimento de um leitor e escritor proficiente.

inscricao_button

Anúncios